banner970x250_ALERO_MULHER.gif

Criminoso procurado pela Homicídios se exibiu com armas nas redes sociais



O criminoso Lauro Christian A. S., 18, acusado de matar a facada o jovem Julio Marlon Carneiro Bonfim, 19, divulgou um vídeo nas redes sociais recentemente se exibindo com armas juntos com outros comparsas. Nas imagens ele aparece de camisa vermelha.


Agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) realizaram a Operação Corta Giro na manhã desta sexta-feira (29) com o intuito de prender o criminoso no condomínio Orgulho do Madeira, zona Leste da capital.


Diversas buscas foram feitas no local, mas o acusado até o momento não foi encontrado.


Denúncias podem ser realizadas via 197 da Polícia Civil, não é necessário se identificar.


Morte de Julio Marlon



O crime aconteceu na madrugada do dia 14 de agosto deste ano em frente a uma casa noturna na Rua Algodoeiro, bairro Eletronorte, zona Sul de Porto Velho (RO).


Julio Marlon estava parado em uma motocicleta e acelerando o motor do veículo. O acusado que se encontrava perto não gostou do barulho e foi tomar satisfação com a vítima.


Os dois teriam iniciado uma discussão e o criminoso armado com uma faca atacou a vítima na barriga.


O jovem ainda foi socorrido ao hospital João Paulo II, mas morreu na sala de cirurgia.

Ele estava sendo procurado pela Delegacia de Homicídios de Porto Velho, acusado de ser o chefe dos grileiros que mataram dois policiais militares, em uma fazenda, localizada no distrito de Nova Mutum. Os crimes aconteceram em outubro de 2020.



Fonte: Rondoniagora