banner970x250_ALERO_MULHER.gif

Polícia Civil prende suspeito de estuprar e sequestrar criança de 12 anos de idade



A Polícia Civil do Estado de Rondônia, por intermédio de sua Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) com apoio de policiais civis das Delegacias de Machadinho do Oeste, Buritis e Colniza(MT) realizaram a prisão de João F.S., 56 anos, suspeito de sequestrar uma criança de 12 anos em um sítio, localizado no ramal do Índio, capital de Rondônia.


A menina foi raptada dia 25/08/2021, enquanto o pai cuidava do sítio. Os vizinhos viram J. F.S. passar em veículo de cor branca em alta velocidade com a criança dentro. O suspeito era “amigo” da família.
As investigações foram presididas pela delegada Adrian Viero. O trabalho policial identificou o suspeito que possuía um mandado de prisão em aberto por estupro em Cacoal. As informações davam conta que ele estaria em Colniza(MT).


A Autoridade policial contactou policiais civis de Colniza/MT, os quais após um excelente trabalho prenderam J.F.S. e resgataram a menor, em uma fazendo na Zona Rural do município.


As informações trazidas pela família davam conta de que a criança enviou uma mensagem à família, dizendo que teria fugido do sítio por vontade própria e que não era para procurarem por ela!


A Delegada Andria Viero explicou que: “Segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o crime de estupro de vulnerável(menor de 12 anos) independe do consentimento da pessoa ou não. A vontade do menor é condicionada à vontade dos pais!”


João F.S., 56 anos foi preso e encaminhado ao sistema prisional onde permanecerá a disposição da Justiça. Se condenado pode pegar uma pena de reclusão, de 8 (oito) a 15 (quinze) anos.





PC/RO