BANNER-ALE-PODER_3-970x250.gif

Idosos têm dificuldades para a realização de exames e temem pegar Covid-19





Com a chegada da pandemia de COVID-19 e a necessidade de isolamento social, famílias tiveram que se adaptar de diversas maneiras para se proteger do vírus. Essa situação vem causando transtornos maiores para um grupo específico de pessoas em Porto Velho, capital de Rondônia.

As pessoas de idade mais avançada formam um grupo muito mais vulnerável aos efeitos da covid-19. No entanto, elas, muitas por não terem suporte, necessitam circular pela cidade para resolver questões pessoais como pagamentos, comprar remédios, consultas médicas ou exames.


A hora de fazer exames de saúde, é um desses momentos em que muitos passam por situações de maior exposição ao coronavírus. Um exemplo, são os exames solicitados pela rede municipal que não podem ser feitos na rede estadual, e os da rede estadual não podem ser feitos na rede municipal.



Isso faz com que muitos idosos tenham que se deslocar para pontos diferentes da cidade, pegando transporte público e enfrentando filas. Isso aumenta as chances de se infectarem com o vírus.


Uma dessas pessoas é o senhor Luiz Ribeiro, 53 anos, que possui comorbidades e enfrenta dificuldades para a realização de determinados exames.


“Preciso fazer os exames e tenho que ir nos locais especializados para isso. Acho que tudo poderia ser feito em um único local, assim evitaria que ficássemos circulando pela cidade”, declarou Luiz.


De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), os exames mais complexos não são feitos na rede estadual, pois, as consultas são feitas apenas com especialistas e não com clínico geral. Os exames que podem ser realizados no estado, são regulados no município, e quando abrem vagas, a regulação liga informando o dia e o horário para agendar. E o agendamento pode ser feito por qualquer pessoa da família.


A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) informou, que o agendamento de exames é feito apenas no período da manhã, já que à tarde as unidades fazem atendimento relacionados à Covid-19.


Caso o paciente não possa ir na unidade para realizar o agendamento, outra pessoa consegue fazer essa solicitação de regulação e agendamento diretamente na unidade mais próxima, no período da manhã. Para isso, é necessário portar o RG, pedido do exame e cartão do SUS do paciente que necessita dos exames.

As unidades que oferecem a possibilidade desses exames são:


CENTRO


USF Oswaldo Piana - Rua Campos Sales, 84, Bairro Areal

Policlínica Rafael Vaz e Silva - Rua Jaci-Paraná 1956, Bairro Nossa Senhora das Graças


ZONA NORTE


USF Ronaldo Aragão - Estrada do Belmonte, 2044, Bairro Nacional

USF São Sebastião - Rua Castro Alves, 5899, Bairro São Sebastião

UBS Maurício Bustani - Av. Jorge Teixeira, 1889, Bairro Liberdade


ZONA LESTE


CEM - Av. Sete de Setembro, 2010, Bairro Agenor de Carvalho

USF Mariana - Rua Rosalina Gomes, 9900, Bairro Mariana

Socialista - Rua Mané Garrincha, 442, Bairro Socialista

USF José Adelino - Rua Ari Macedo, 56, Bairro Ulisses Guimarães


ZONA SUL


USF Castanheiras - Rua Pau Ferro e Anari, 878, Bairro Castanheira

USF Caladinho - Rua Tancredo Neves, 4752, Bairro Caladinho

USF Renato Medeiros - Rua Magno Arsolino, 1456, Bairro Cidade do Lobo

USF Nova Floresta - Rua João Paulo I, 3406, Bairro Novo Horizonte





Fonte: Rondoniaovivo
Imagem Ilustrativa