GIF-SEU-PODER_970x250-1.gif

Sobrinho dá detalhes e revela porque matou tio a pauladas e facada – VÍDEO



Porto Velho, RO – Encaminhado para a central de flagrantes após assassinar de forma brutal e covarde o próprio tio, Edes Lourenço da Luz, o jovem Junior Lourenço da Luz, 19 anos, deu detalhes sobre o crime de latrocínio. RELEMBRE O CASO AQUI.




Conforme informou Junior, os homens que lhe ajudaram a matar Edes eram trabalhadores que sempre iam na empresa de reciclagem, e era de lá que ele os conhecia. O preso afirmou ainda que não pagou algo para os homens que lhe ajudaram a matar, apenas para as pessoas que auxiliaram na hora de jogar o corpo na cova, que posteriormente foi coberto com terra. Ao total, cinco pessoas participaram do crime, incluindo Junior.


Na noite de sexta-feira (08), Junior foi preso em um hotel na Rua Alexandre Guimarães, bem próximo de onde o tio foi morto. Questionado, o suspeito declarou que não pensava em sair da cidade. Disse ainda estar arrependido de ter cometido o crime e que “só Deus sabe” como vai ficar sua vida agora.


A motocicleta de Eudes foi vendida pela quantia de R$3.500,00 e, segundo o sobrinho, parte do dinheiro foi usada para pagar os participantes na ocultação do cadáver. Antes de começar a ser gravado na central de polícia, o sobrinho declarou que havia sido abusado duas vezes pelo tio, e que ele ainda estaria tentando praticar novos abusos e, por isso, resolveu matá-lo.


Junior foi flagranteado pelo crime de homicídio e o outro suposto envolvido entrou como testemunha na ocorrência. Todavia, Junior acusa o outro rapaz preso de ter lhe roubado R$300,00 e um aparelho celular.





Lente Nervosa