Presas cavam buraco em parede de cela e escondem com 'obra de arte' em Rondônia

Banner-8_728x90-px.gif

Presas da Casa de Detenção de Ouro Preto do Oeste (RO) tentavam fugir da unidade cavando um buraco na parede de uma das celas. Na intenção de esconder a fuga, elas desenharam um peixe na parede.

A "obra de arte" foi feita com colagem de tecido TNT e o buraco preenchido com uma "massa", feita de sabonete e pasta de dente, para ajudar no disfarce.

Segundo o diretor da unidade, Cristiano Félix, na manhã de sexta-feira (18) os policiais penais realizavam ronda de rotina e perceberam uma pequena perfuração do lado externo da parede da cela número 1. Um servidor acionou outros colegas do plantão, eles fizeram a revista e constataram que o trabalho artístico na parede estava camuflando a escavação.



"Obra de arte" escondia escavação no Centro de Detenção de Ouro Preto (RO) — Foto: Singeperon/Reprodução




Ainda de acordo com a direção da unidade, oito detentas estavam na cela, porém duas assumiram a autoria da obra. Elas foram provisoriamente separadas das demais e sofrerão as sanções cabíveis.


O Sindicato dos Policiais Penais e Agentes de Segurança Socioeducativos do Estado de Rondônia (Singeperon), divulgou uma nota declarando que "a criatividade surpreendeu a corporação penal", e graças "aos policiais que agiram a tempo, de forma pericial, a fuga foi evitada".



Presas camuflam escavação na parede da cela com desenho de peixe em Ouro Preto do Oeste (RO) — Foto: Singeperon/Reprodução




G1