Servidores fazem festa dentro da Secretaria de Educação durante quarentena no interior de RO

Banner-8_728x90-px.gif


Uma festa realizada dentro da Secretaria Municipal de Educação de Jaru (RO) está causando polêmica na cidade. Isso porque encontros festivos estão proibidos neste período de pandemia do novo coronavírus. A festa está sendo investigada pela prefeitura, que tomou conhecimento do caso na sexta-feira (8), após fotos vazarem na internet.


Segundo o prefeito João Gonçalves Júnior, servidores teriam se reunido internamente para celebrar o aniversário de um integrante da equipe.


"A gente lamenta muito a postura, pois todas as secretarias municipais têm conhecimento das regras. Não foi por falta de orientação. Quando a gente tomou conhecimento ficamos muito decepcionados", disse João ao lado da secretária da saúde do município, durante uma live no Facebook.


Ainda conforme o prefeito, todas medidas disciplinares estão sendo adotadas. As pessoas participantes da festa estão sendo afastadas compulsoriamente. "Elas vão ficar em casa e serão monitoradas pela equipe da Saúde", afirma. Uma sindicância também está sendo aberta.


Em live, prefeito João Gonçalves Júnior diz que servidores serão 'punidos na forma da lei' — Foto: Facebook/Reprodução


"A gente repudia esse tipo de movimento. Não são as orientações. Por falta de informação não é. Todas medidas serão tomadas e serão punidas na forma da lei", afirma João.


A festa na secretaria foi divulgada publicamente no mesmo dia em que a cidade de Jaru confirmou três novos casos de coronavírus, na sexta-feira. Os novos pacientes infectados são duas mulheres, de 22 e 31 anos, e um homem, de 52.



Fonte: G1