A porto-velhense Raissa Dourado é selecionada no edital do Itaú Cultural

R-BANNER-VAI-PASSAR_01_728x90-1.gif


A videomaker Raissa Dourado foi a única selecionada de Rondônia no edital do Itaú Cultural “Arte Como Respiro”, na categoria Artes Visuais.



Foram 8.707 inscrições, das quais foram escolhidos 140 trabalhos da categoria Produção Artes Visuais e 60 da categoria Série Fotográfica.



Raissa Dourado é graduada em Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda pela Faculdade Estácio de Natal, no Rio Grande do Norte, tendo realizado os cursos de documentário, montagem cinematográfica e assistente de direção pelo Centro Audiovisual Norte-Nordeste (Canne). Atua profissionalmente como realizadora de produtos audiovisuais.


Os trabalhos selecionados em ambas as categorias, receberão valor bruto de R$ 3 mil reais, cada um como remuneração pelo licenciamento dos direitos autorais da obra.


Eles serão apresentados ao público de acordo com a agenda organizada pela equipe de artes visuais do Itaú Cultural dentro do prazo de até seis meses, podendo ser alterado diante do quadro social referente à pandemia ou de necessidades da própria organização.


Fica a critério da instituição se a exibição será realizada em sua grade de programação virtual ou em outros canais de exibição.


Fonte: Rondoniaovivo