Unir suspende aulas em Porto Velho por falha no abastecimento de água

BANNER-VAI-PASSAR_02_728x90.gif 728x90d411b4316c22701e.gif


As aulas e atividades administrativas do campus de Porto Velho da Universidade Federal de Rondônia (Unir) foram suspensas nesta quarta-feira (11) por falha no abastecimento de água.


De acordo com a reitoria, a Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia (Caerd) identificou vazamento perto da subestação de tratamento.


Em comunicado oficial (veja íntegra), a Unir informou que reparos devem ser feitos na quinta-feira (12). O fornecimento deve ser normalizado na sexta-feira (13).


Segundo a direção da universidade, "após a normalização do fornecimento pela concessionária consigamos equalizar o sistema interno em no máximo 24 horas".




Saneamento




Dados divulgados nesta semana pelo Instituto Trata Brasil revelaram que Porto Velho está na 98ª posição em um ranking que avalia a qualidade do saneamento básico nas 100 maiores cidades do país.


O estudo concluiu que 35,26% da população total da capital é atendida com abastecimento de água. Um cenário melhor ao de 2017, quando a cidade conseguiu ter o menor índice encontrado na pesquisa, 31,78%.


Confira nota da reitoria da Unir sobre a falha no abastecimento de água:


A Administração Superior da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), considerando o abastecimento de água prejudicado, em razão de um problema no seu fornecimento pela Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia (CAERD), no campus José Ribeiro Filho, informa à comunidade universitária que, nos dias 11 e 12 de março estarão suspensas as atividades acadêmicas e administrativas no campus José Ribeiro Filho, em Porto Velho.



Segundo a CAERD, nesta quarta-feira, 11, a empresa detectou um vazamento próximo à subestação de tratamento e que os reparos serão realizados nesta quinta-feira, 12, e que o fornecimento possivelmente estará normalizado na sexta-feira, 13.


Porto Velho, 11 de março de 2020


Prof. Dr. Ari Miguel Teixeira Ott


Reitor