VILHENA - Policial militar se passa por comprador e recupera moto roubada

BANNER-A---728x90-px-3.gif 728x90d411b4316c22701e.gif



Em Vilhena, dois homens foram presos na tarde da quarta-feira, 18, após um policial militar se passar por comprador de uma moto roubada e descobrir o paradeiro do veículo. Eles confessaram o crime e foram encaminhados para a Unisp (Unidade Integrada de Segurança Pública).


De acordo com a ocorrência, um tenente entrou em contato com o suspeito, que tem 33 anos e aceitou ir ao local sugerido pelo o militar para negociar a venda, acreditando que seria um comprador.


No ponto combinado, o homem foi abordado pela polícia e questionado onde estaria a motocicleta da negociação. Ele contou que o veículo estava escondido dentro de uma mata, em uma fazenda próxima da área urbana, onde ele trabalhava.


Além da moto, que estava em meio ao matagal, coberta por uma lona, os policiais encontraram ainda o autor do roubo, que também era funcionário da propriedade rural. O rapaz, que tem 19 anos, confessou que tinha roubado a moto e levado até a fazenda a pedido do comparsa. O combinado é que ele receberia uma quantia em dinheiro pelo serviço.


O criminoso confesso sabia também que a venda da moto estava sendo combinada com um morador de Cabixi, Lessinho, que já tem outras acusações de adquirir motos roubadas e enviá-las para a Bolívia.


O suspeito mais velho, mesmo algemado, tentou fugir e foi capturado. O mais novo indicou onde a arma usada no roubo foi deixada, mas, mesmo em buscas no local ela não foi localizada.


Ambos os envolvidos foram levados para a Unisp, junto com uma espingarda de pressão que estava com eles.
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Jéssica Chalegra