Jovem piloto de motocross é encontrado morto pelo pai em Rondônia

S-BANNER-VAI-PASSAR_02_728x90.gif BANNER-COVID-2_728X90-px.gif



Um mal silencioso e fatal, essa pode ser a definição daquilo que representa a depressão na vida de muitos brasileiros nos dias de hoje. Os jovens são grande parte das estatísticas de suicídio por conta dessa doença que na maioria das vezes pega os familiares de surpresa.



Em Ariquemes, cidade localizada há aproximadamente 200 quilômetros da capital do Estado, Rondônia, um jovem modelo e piloto de motocross que havia completado 26 anos de idade nesta última segunda (9) foi mais um que sucumbiu aos sintomas da depressão.




Na manhã desta última quinta-feira (12), o jovem, identificado pelo nome de Edinho, chegou a gravar um vídeo onde visivelmente abalado emocionalmente relata: “Eu não aguento mais, o único motivo de eu estar aqui ainda, é por causa da minha mãe”, disse ele momentos antes de tirar a própria vida”. Ele foi encontrado morto pelo seu pai no mesmo dia.







No dia 10 de dezembro ele havia acendido um sinal de alerta em uma publicação no Twitter onde relatou “Duas coisas que não dá certo! Morar sozinho e ter depressão, juntou as duas, dá merda!”, relatou.



Edinho era um jovem ativo e feliz e deixa familiares e muitos amigos que em grande parte jamais imaginavam que uma triste situação como essa pudesse ter acontecido.





Disk vida



O telefone do Centro de Valorização da Vida é o 188 e funciona 24 horas, basta entrar em contato. Acesse o site www.cvv.org.br