Publicidade
Aftosa_WEB_468x60.gif

Fiocruz Rondônia promove “Ciência na Rua” e leva atendimentos gratuitos à comunidade, em Porto Velho



O Espaço Alternativo, em Porto Velho, foi palco, no último final de semana (26), de uma série de atividades realizadas pela Fiocruz Rondônia e parceiros com foco na divulgação científica, orientações de prevenção a doenças e serviços de atenção à saúde.


O evento fez parte da programação da 16ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) que trouxe, em 2019, o tema “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”.


Em Porto Velho, a ação contou com parceria do Instituto de Pesquisas em Patologias Tropicais (Ipepatro) e Centro de Pesquisa em Medicina Tropical (Cepem/Sesau/RO).


Os visitantes tiveram a oportunidade de conhecer as diferentes linhas de pesquisa da instituição e receberam orientações sobre prevenção de doenças como leishmaniose, dengue, malária, febre maculosa, e de veiculação hídrica, além de orientações sobre infecções fúngicas e bacterianas e acidentes provocados por serpentes.


Deusilene Vieira, pesquisadora em Saúde Pública e vice-coordenadora de Ensino, Informação e Comunicação da Fiocruz RO, destacou o envolvimento de pesquisadores, colaboradores e voluntários para que o evento fosse realizado, enfatizando que o “Ciência na Rua é uma forma de unir esforços para que haja maior interação entre pesquisadores e comunidade, além de demonstrar aos visitantes, de forma simples e atrativa, um pouco das pesquisas que são desenvolvidas dentro dos laboratórios da instituição”.


De acordo com a organização, mais de 100 atendimentos entre testes rápidos para diagnóstico de hepatites B e C, HIV e sífilis e tipagem sanguínea foram realizados.


Na Mostra Científica, 10 laboratórios estiveram representados e, durante o evento, a população pôde conferir, de perto, como é a dinâmica dos trabalhos realizados pelos pesquisadores, por meio de exibições em vídeos, banners explicativos, maquetes, coleção biológica de animais conservados em formol, e até modelagem computacional da estrutura de Zika Vírus, uma apresentação em 3D do vírus em escala molecular, o que acabou chamando a atenção dos visitantes.


Outra novidade foi o Espaço Kids, onde as crianças participaram de jogos e brincadeiras temáticas, além de serem estimuladas a pensar sobre o papel do cientista, em ambiente que reproduzia a dinâmica de um laboratório. Para o coordenador da Fiocruz RO, Jansen Fernandes de Medeiros, o “Ciência na Rua já é considerado um evento de grande expressividade no contexto da popularização da ciência no estado de Rondônia e reforça o compromisso da instituição com a melhoria da saúde pública na região Norte do país”.


AÇÕES EM NOVEMBRO


Para que mais pessoas sejam atendidas e tenham acesso a informações sobre prevenção e atenção à saúde, o Ciência na Rua será realizado nos dias 15 e 16 de novembro, no Porto Velho Shopping, na capital, informou Alice Paula Di Sabatino Guimarães, coordenadora do Sistema de Qualidade da Fiocruz RO.


Por conta do feriado de Proclamação da República (15 de novembro), as atividades irão iniciar às 12h se estendendo até as 22h, e no dia 16 a programação obedecerá ao horário de funcionamento do shopping (das 10h da manhã às 22h). “Todos estão convidados a interagir conosco, conhecer mais sobre nossas pesquisas e tirar dúvidas sobre os trabalhos que desenvolvemos em nossos laboratórios”, destacou a coordenadora.



Fonte
Texto: José Gadelha
Fotos: José Gadelha
Secom - Governo de Rondônia
Fiocruz Rondônia promove “Ciência na Rua” e leva atendimentos gratuitos à comunidade, em Porto Velho Fiocruz Rondônia promove “Ciência na Rua” e leva atendimentos gratuitos à comunidade, em Porto Velho Reviewed by Mídia Rondoniense on outubro 30, 2019 Rating: 5