SAUDE-2_468x60-1.gif

Mulher mata o marido a pauladas e diz que foi ameaçada e desafiada

Queimadas_468x60px.gif


Uma mulher de 40 anos foi presa na manhã desse domingo (11) depois de matar o marido, José Carlos Gomes Pereira, de 45 anos, a pauladas. O caso aconteceu no Bairro Vila Maria, em Barra do Garças (520 km de Cuiabá).



Conforme o boletim de ocorrência, uma briga entre José Carlos e a esposa, Kênia Neres Matos, começou durante a madrugada porque o homem não queria deixar a filha da esposa e enteada dele, de 18 anos, namorar em hipótese alguma. Ele chegou ao ponto de exigir que a mãe expulsasse a filha de casa.



Segundo a mulher narrou à polícia, durante a discussão o marido a empurrou e a ameaçou de morte, dizendo que se ela continuasse deixando a filha namorar, iria matá-la.



Como o marido, segundo relato da esposa, já havia a ameaçado de morte outras vezes, assim como a toda família – afirmando que mataria a todos e depois se mataria e, também, que colocaria fogo na casa – a mulher temeu que, dessa vez, ele cumprisse a ameaça.



Então, quando ele a ameaçou na madrugada desse domingo (11), por volta das 05 horas, ela pegou um pedaço de madeira e foi em direção a ele. O homem começou a instigá-la, dizendo que ela não teria coragem de fazer nada e virou-se de costas.



Nesse momento, a esposa começou a bater com a madeira na cabeça do marido. Na primeira paulada, o homem caiu na cama e, mesmo assim, ela continuou batendo na cabeça dele por algum tempo.



Quando parou, ela percebeu que havia aberto a cabeça do esposo, desesperou-se e chamou o vizinho, pedindo que ele acionasse a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros para socorrer a vítima.



Os policiais foram até a casa com a informação de que se tratava de um estupro seguido de tentativa de homicídio, que uma mãe teria matado um homem que tinha tentado estuprar sua filha.



Mas, ao chegar ao local, a própria mulher contou tudo o que tinha acontecido. Quando os militares chegaram, o homem ainda respirava de modo ofegante e mexia os pés. Porém, quando o Corpo de Bombeiros chegou, ele já estava sem vida.



A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi acionada e recolheu o pedaço de madeira e a camisa que a mulher vestia, que estava suja de sangue.



A suspeita foi encaminhada para a Central da Polícia Militar, sem resistência, onde o caso foi registrado como homicídio doloso.


Fonte: O Livre
Mulher mata o marido a pauladas e diz que foi ameaçada e desafiada Mulher mata o marido a pauladas e diz que foi ameaçada e desafiada Reviewed by Mídia Rondoniense on agosto 12, 2019 Rating: 5