Publicidade
Aftosa_WEB_468x60.gif

Comissão aprova pensão vitalícia para vítimas de escalpelamento


A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou na quarta-feira (14), com emenda, proposta que assegura pensão especial mensal, vitalícia e intransferível a pessoas que perderem parte do couro cabeludo (escalpelamento) em acidentes envolvendo volantes, eixos ou partes móveis de motores de embarcações.


A pensão, segundo o texto, será de R$ 998, devendo ser reajustada pelo mesmo índice adotado para corrigir o Benefício da Prestação Continuada (BPC).


Ao analisar o projeto original (PL 10547/18), do deputado Glauber Braga (PSOL-RJ)e da ex-deputada Janete Capiberibe (AP), a relatora na comissão, deputada Silvia Cristina (PDT-RO), apresentou parecer pela aprovação.
Michel Jesus/ Câmara dos Deputados


“O objetivo é indenizar as vítimas que têm sua capacidade laboral comprometida por danos decorrentes da omissão do poder público na efetiva fiscalização das embarcações que trafegam sem gaiolas nos motores”, disse.


A emenda da relatora apenas atualiza o valor do benefício para torná-lo equivalente ao valor do salário mínimo vigente. Ela explica que os autores não fixaram o valor da pensão em um salário mínimo para evitar inconstitucionalidade. A Constituição proíbe que o salário mínimo seja usado índice para a correção de valores.


Tramitaçã
o

O texto aprovado ainda será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania




Reportagem - Murilo Souza
Edição - Marcia Becker
Comissão aprova pensão vitalícia para vítimas de escalpelamento Comissão aprova pensão vitalícia para vítimas de escalpelamento Reviewed by Mídia Rondoniense on agosto 15, 2019 Rating: 5