Alunos de escola pública protestam contra fumaça em Porto Velho

CORONAVIRUS_02_468X60-px.gif


A inércia dos governantes no combate às queimadas das quais que gera fumaça que tem cobrido o município de Porto Velho há mais de um mês levou alunos e professores da Escola Estadual Rio Branco a promover uma grande manifestação na manhã desta sexta-feira.


No dia em que a capital de Rondônia registra um dos seus piores momentos, com a fumaça tomando conta de tudo, a indignação dos estudantes é pela falta de conscientização da população.

Os problemas respiratórios nesta época causados pela fumaça das queimadas atinge toda a população, mas são as crianças e os idosos os mais atingidos. O Hospital Infantil Cosme e Damião está lotado. As Unidades de Saúde do município também. Na propaganda a ação do governo é bonita, na prática, é omissa.


Fonte: Diário da Amazônia