Maurão de Carvalho condenado a 14 anos de prisão pelo Tribunal de Justiça; é o quinto ex-presidente da Assembléia condenado por corrupção

BANNER-A---728x90-px-1.gif


PORTO VELHO – O cargo de presidente do Poder Legislativo em Rondônia está sendo visto como uma maldição na vida daqueles que passam por ele. Mas, só os traquinos, que gostam de fazer lambança com o dinheiro do contribuinte e posar de bom moço. Com a condenação do ex-deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, Maurão de Carvalho (MDB), já é o quinto ex-presidente da ALE a ser mandao para cumpriar extensa temporada na cadeia.


A ação penal 0000364-37.2010.822.0000 tramitava desde 2010.

Quando todos achavam que Maurão havia ‘passado batido’ no grande julgamento em Segunda Instância dos condenados na Operação Dominó, o Pleno do Tribunal de Justiça, reunido nesta segunda-feira o condenou a 14 anos e 7 meses de prisão, inicialmente em regime fechado pelos crimes de lavagem de dinheiro, peculato e formação de quadrilha na Ação Penal 000364.37.2010.822.0000 movida pelo Ministério Público do Estado.


COM ESSA SENTENÇA, MAURÃO É O 5º EX-PRESIDENTE DO LEGISLATIVO RONDONIENSE A SER CONDENADO À PRISÃO. ANTES DELE FORAM MARCOS DONADON (QUE CUMPRE DOMICILIAR), NATANAEL JOSÉ DA SILVA (TORNOZELEIRA ELETRÔNICA), VALTER ARAÚJO (REGIME ABERTO) E CARLÃO DE OLIVEIRA (FORAGIDO). TO
DOS POR CRIMES DE CORRUPÇÃO.


O Tribunal de Justiça deve publicar no Diário da Justiça ainda esta semana o acórdão da condenação de Maurão, que foi julgado pelo Pleno da Corte. Após a publicação, a defesa deve entrar com embargos declaratórios, mas toda essa tramitação não deve se estender por muito tempo. A previsão é que o ex-deputado comece a cumprir a sentença até agosto.


Maurão de Carvalho foi candidato ao governo nas eleições do ano passado, ficando na terceira colocação. Ele foi parlamentar por cinco mandatos consecutivos.


Maurão de Carvalho foi deputado estadual por cinco mandatos consecutivos.


Fonte: Expressão Rondônia