FLOR_728x90px.gif

INVESTIMENTOS_468x60.gif
Queimadas_468x60px.gif

VERGONHA – Mandato de Jair Montes humilha e desmoraliza ALE/RO


O falso moralismo é um câncer que permeia e destrói a sociedade, dentro da política sua capacidade de destruição é ampliada, políticos que falam uma coisa e fazem outra permeiam os palácios e casas de Leis. Em Rondônia, um exemplo dessa vergonhosa condição é o deputado estadual Jair Montes, um condenado por crimes relacionados à corrupção, tráfico de drogas, jogo, apostas, ente uma série de odiosas acusações e condenações imputadas a ele.


Eleito com a menor quantidade possível entre os 24 parlamentares, Jair Montes conseguiu eleger-se graças à falida e maldosa legislação que realiza a soma dos votos dentro do processo de coeficiente eleitoral, ou seja, Jair Montes foi eleito por um vício, uma falha no sistema. 



Ele foi preso duas vezes durante seu mandato de vereador, sendo que em uma dessas ocasiões já era deputado eleito, sendo fator de humilhação do poder legislativo rondoniense perante a sociedade, já que abrigaria alí um homem recentemente preso por crimes contra o próprio Estado.


Resultado de imagem para jair montes preso
Foto: Prisão de Jair Montes em 2013

Imagem relacionada
Foto: Prisão de Jair Montes em 2018


Já no desempenho de suas funções legislativas, Montes apontou a direção de como quer levar seu mandato, repleto de populismo e falso moralismo, falando de probidade, já garantiu seu espaço da mesa diretora da casa e ainda se autoproclamou o pai dos servidores na casa.


Esse fato causou embaraço em diversos sindicatos da categoria, muitos não aceitam que um condenado com o perfil psicopata de Montes se passe por seu representante. A verdade é que a permanência de Jair Montes na condição de deputado estadual, humilha e desmoraliza da ALE/RO, uma vergonha para Rondônia .


Autor / Fonte: Mídia Rondoniense
VERGONHA – Mandato de Jair Montes humilha e desmoraliza ALE/RO VERGONHA – Mandato de Jair Montes humilha e desmoraliza ALE/RO Reviewed by Mídia Rondoniense on março 15, 2019 Rating: 5