Image and video hosting by TinyPic

Em Rondônia estima-se a demissão de 7mil pessoas por conta do aumento de energia



O aumento da tarifa de energia elétrica anunciado pela Energisa - que chega a 27,5% para as empresas, em Rondônia - poderá resultar em 7 mil demissões diretas no Estado e afetar, em efeito dominó, cerca de 300 mil pessoas. Os cálculos são da Federação das Pequenas Empresas – FEEMPI , “que não aceita este descalabro e por isso estão acionando a Justiça contra as novas tarifas, juntamente com o Ministério Público Estadual e Defensoria Pública, entre outras entidades”, informa o presidente da FEEMPI e do Sindicato da Micro e Pequena Indústria (SIMPI), Leonardo Sobral.

“Somos mais de 94% dos CNPJ’s no estado com 81 mil pequenas empresas, e com cerca de 300 mil pessoas diretamente dependentes do nosso trabalho e não vamos ter como segurar as dispensas”, alerta o dirigente. Ele lembra que o aumento agrava a situação “já bastante retraída do mercado” e complementa, “como repassar custos para clientes que não temos”, lamenta. 

“O custo de energia elétrica no preço final do produto para as micro indústrias do segmento madeiro moveleiro , açougues, restaurantes, lanchonetes, panificadoras e pequenas mercearias é muito alto e o setor é refém de um só fornecedor do serviço no Estado”, cita Sobral, lembrando que este é um dos setores que mais gera empregos em Rondônia. 


SIMPI ENERGIA

O anúncio do aumento abusivo das tarifas e a expectativa de demissões em massa, além de constantes queixas sobre avarias e queimas de equipamentos levaram o SIMPI a disponibilizar o programa SIMPI ENERGIA, voltado às Micro e Pequenas Empresas (MEIs) e advogados, com objetivo de resolver os mais diversos problemas decorrentes da relação comercial do empresariado com a empresa distribuidora de energia elétrica de Rondônia. 

O atendimento do SIMPI ENERGIA é feito às quintas-feiras em sistema de plantão. Os interessados podem agendar horários de atendimento pelo telefone (69) 3026 2108, do SIMPI, ou pelo WhatsApp (69) 9 9933-0396.


Em Rondônia estima-se a demissão de 7mil pessoas por conta do aumento de energia Em Rondônia estima-se a demissão de 7mil pessoas por conta do aumento de energia Reviewed by Mídia Rondoniense on fevereiro 17, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário