Image and video hosting by TinyPic

Interior de Rondônia continua sem combustível

Interior de Rondônia continua sem combustível

A greve dos caminhoneiros tem gerados diversos reflexos nos municípios no interior de Rondônia. O principal deles é a falta de combustível. Cidades como Vilhena e Cacoal ainda estão sem gasolina e etanol. Já o fornecimento de energia elétrica em municípios abastecidos por termoelétricas foi normalizado.

A mobilização da categoria em Rondônia completa sete dias nesta segunda-feira (28) e ainda é mantida em vários pontos da BR-364, mas sem bloqueio da via. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), não há informações que os caminhoneiros estão sendo impedidos de trafegarem pela rodovia, no entanto, a maioria do que transporta combustível estão sendo escoltados.

Na sexta-feira (26), a PRF começou a escoltar caminhões carregados com diesel para abastecer as usinas termoelétricas em municípios e localidades no interior do estado. Até o domingo (27), foram 34 caminhões que receberam o apoio da polícia. Outros ainda devem ser receber a mesma proteção na tarde desta segunda-feira.

Para tentar encerrar o movimento dos caminhoneiros, que recebe apoio de populares, o governo federal anunciou medidas que garantem redução do preço de diesel. Ainda nesta segunda-feira, a Petrobras também anunciou uma redução no preço da gasolina. No entanto, o movimento continua em diversos pontos de Rondônia.



Em Porto Velho, a falta de combustível foi normalizada no domingo, quando os motoristas amanheceram nos postos para abastecerem os veículos. Gasolina e etanol acabaram na capital ainda na última sexta-feira (26). Nos supermercados ainda há reflexos da greve dos caminhoneiros com a falta de alimentos.

Em Ji-Paraná, também há manifestantes na BR-364, próximos a ponte que divide os dois distritos, mas está mantido o livre acesso dos motoristas. A cidade começou a receber combustível no início da manhã desta segunda-feira. 

No município de Jaru, um laticínio e um frigorífico suspenderam as atividades na quinta-feira. Na cidade também está localizada a matriz da rede de supermercados Irmãos Gonçalves, que em Porto Velho, já falta diversos produtos com carne, legumes e ovos. Os caminhoneiros estão parados nas marginais e postos de combustíveis. 

Cacoal ainda é possível encontrar postos com diesel, mas não há gasolina e nem etanol. No entanto, o como o posto de combustível que abastece os ônibus que fazem o transporte escolar no município zerou o estoque de diesel, a Secretaria Municipal de Educação suspendeu as aulas em cinco escolas na Zona Rural.

O mesmo aconteceu em duas escolas no município de Rolim de Moura. 

No Cone Sul, Vilhena também está sem combustível e há motoristas mobilizados em dois pontos da rodovia federal: um na saída para Porto Velho e outra na saída para o estado de Mato Grosso. Além de combustível, a cidade já está sem gás de cozinha. No hospital regional do município, o gás de cozinha deve durar até a terça-feira e um bebê de um mês precisou ser transferido de avião.

Fonte: Rondoniagora
Interior de Rondônia continua sem combustível Interior de Rondônia continua sem combustível Reviewed by Mídia Rondoniense on maio 28, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário